segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

[Enquadrando] Tex: Edição Especial Colorida #6

HQMythosBoneliTex
  Oi povo, então... essa é uma tentativa de ressuscitar esse meu cantinho, mas não vou fazer promessas que não tenho certeza que vou cumprir, hehehe
  Ainda estou sem computador e estou postando pelo tablet, se aparecer alguma coisa muito absurda aqui considerem que foi o corretor automático, hehehe.
  Enfim, para voltar vou falar um pouquinho dessa HQ, o último enquadrando foi de uma HQ do Tex, e cá estamos com mais uma, não vou me alongar falando sobre todas as séries de Ter que são lançadas no Brasil (que, se não me engano são 14 ou 15) mas uma delas é a Tex Edição Especial Colorida, hoje vou falar especificamente da edição 6 dessa coleção, eu li as anteriores? Não! Mas como elas são histórias fechadas isso não é um problema. Essa sexta edição, por exemplo, contém 4 histórias curtas, e vou falar um pouquinho sobre cada uma delas:
  Estrela de Lata:
   Abrindo a edição temos uma história roteirizada por Medda e desenhada por Benevento, ao lado você pode conferir um pouquinho do traço. Nessa história temos Tex e Kit Carson em uma cidade onde, ao visitar o fotógrafo eles vêem várias fotos de antigos conhecidos, e logo descobrem que dois bons e velhos amigos de Carson estão vivendo na cidade, ao visitá-los os rangers descobrem que nenhum deles parece querer relembrar os velhos tempos, mas cada um tem um comportamento diferente ao insistir em deixar o passado para trás.
  É uma história cheia de segredos, onde só vamos ter respostas nos últimos quadrinhos, apesar de pecar um pouco sendo mais curta e menos desenvolvida do que poderia ela não dá a sensação de ser uma história atropelada e tem um desfecho bem feito e bastante satisfatório.

Encontro em Tularosa: 
  A segunda história começa com Tex em uma espécie de taverna, onde só tem ele é mais um casal, logo sabemos que ele pediu para o filho do casal, que é dono da tal taverna, vigiar a entrada da cidade, pois está esperando alguém, o dono da taverna pede que ele mantenha o filho dele fora das contas que pretende acertar com seja lá quem. Logo depois chega um coronel e ambos conversam sobre a pessoa em questão, e o porquê de ambos quererem pegá-lo.
  A história é roteirizada com certa criatividade por Burattini e ilustrada de forma pouco satisfatória, na minha opinião, por Camuncoli. Não gostei muito do traço por ser bem diferente do estilo que estou acostumado nas histórias do personagem, não que o desenho seja ruim, mas parece mais com a arte de algumas histórias que eram publicadas na extinta (e saudosa) mensal da Vertigo do que nas histórias de faroeste da Boneli. A história em si é rápida e sem grandes pretensões, mas pode-se considerá-la bem elaborada, mesmo não sendo muito inovadora.

No Escuro:
  Provavelmente a melhor história dessa coletânea foi roteirizada por Boselli, clássico roteirista de Tex, e belamente ilustrada por Rossi. Também parece com o traço dos artistas da Vertigo, mas me parece que "casou" melhor com o personagem do que a da história anterior.
  Aqui temos um tema mais profundo sendo explorado, o preconceito pelo diferente, que faz com que qualquer forma de investigação e averiguação para comprovar a culpa de alguém é deixada de lado só porque o suspeito é alguém diferente.
  Uma história de mistério, onde um duplo assassinato acontece e por um bom tempo não entendemos direito o porquê, tanto que acreditamos mais nos moradores sedentos de sangue e "justiça" do que em nossos protagonistas, que aqui são Tex, Carson e Jack Tigre.

Randy, o Sortudo:
  A única história que tem o bando inteiro, ao mesmo tempo em que não tem nenhum dos protagonistas é a extremamente interessante trama tecida por Recchioni e ilustrada, competentemente, por accardi.
  Aqui temos um grupo de ladrões que inclui Randy Rogers, conhecido como Randy Sortudo, e realmente ele merece esse apelido, sua vida de crimes é coroada por fugas impossíveis, acidentes inesperados e outros golpes de sorte alá Dominó.
  A história começa com esse personagem tendo um pesadelo que envolve Tex, e quando ele acorda um bandido mais experiente conta a história dele, aos cochichos, para um mais jovem. Basicamente a sorte dele acabou falhandoem uma vez que encontrou o ranger e seus parceiros, desde então Randy ficou meio paranóico e obcecado em relação à Tex. Coisa que acaba incomodando seus parceiros de crime. É uma história muito bem elaborada e extremamente divertida de acompanhar.



  E é isso povo. Ando fazendo uns vídeos lá no YouTube, bem amadores mesmo, vou usar o blog (pretendo, pelo menos) mais para falar dos quadrinhos mesmo. É uma forma de manter um registro mesmo.
  Se você chegou até aqui e leu tudo isso, obrigado :3
  Grande abraço!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...