quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

[Opinião] Piteco: Ingá (HQ)



Autor: Shiko
Editora: Panini Comics

Opinião:
  Mais um encadernado do "projeto" Graphic MSP. Dessa vez contando uma história do nosso (pelo menos meu) neandertal favorito... que ficou ainda melhor nas mãos do incrível cartunista Shiko.
  A história começa com Thuga falando com o povo de Lem sobre o cumprimento de uma antiga profecia, que falava de um dia em que o rio secaria e o povo teria que seguir as manadas até um novo rio e firmar a tribo ali. Mas ela esconde uma parte da profecia, a parte que um dia antes da partida de seu povo, os Homens-Tigre viriam e a levariam embora. No dia seguinte, ao ver que Thuga sumiu, e enquanto o restante do povo de Lem segue para sua nova morada, Piteco, Beleléu e Ogra vão atrás dos Homens-Tigre para recuperar Thuga.
  O "Ingá" do título se refere à pedra na qual está a dita profecia, e essa pedra realmente existe e está localizada na Paraíba.
  No decorrer dessa busca eles encontram antigos "deuses", que são releituras dos personagens do folclore brasileiro, como M-Buantan (boitatá) e  Arapó-paco (um curupira, ou caipora, mais assombroso que cavalga um tatu gigante e medonho). Enquanto algumas dessas incríveis criaturas os ajudam, outras passam muito perto de frustrar a missão deles.
  A história bem construída, o desenho é perfeito, todo pintado em aquarela e se desenvolve de maneira sublime, ela tem um tom um pouco mais sombrio e não sei se deveria ser permitido a uma criança mais pequena, na minha opinião, é a melhor Graphic MSP que li até agora (só não li a do Chico Bento). Só não é cinco estrelas porque senti falta dos dinossauros (grandes coisa, eu sei) e o final foi meio abrupto... mas mesmo assim é incrível...


Nenhum comentário:

Postar um comentário



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...