quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

[Opinião] A Namorada do Meu Amigo - Graciela Mayrink

Editora: Novo Conceito (Novas Páginas)

N° de Páginas: 334

Citação:
 - O que vocês acham de brincarmos de Verdade ou Consequência?
  Gelei. Brincar não era bem a palavra, já que aquilo era mais um jogo de vida do que uma brincadeira."

Sinopse:
  Quando voltou das férias de verão, Cadu não imaginava a confusão em que a sua vida se transformaria. Era para ser um ano normal, mas ele entrou em uma enrascada e está correndo o risco de perder a amizade do cara do cara mais legal do mundo. O que fazer quando a namorada do seu amigo vira uma obsessão para você?
  Os churrascos da turma da faculdade talvez ajudem a esquecer Juliana, e, se depender do esforço do divertido Caveira, não faltarão garotas gente boa para preencher o coração de Cadu. Mas não adianta forçar... Quem consegue mandar no coração?
  Alice, a irmã de Beto, é só uma das dores de cabeça que Cadu tem que enfrentar. A vida inventa cada cilada.

Opinião:
  Confesso que tinha muito, mas muito medo desse livro, não é segredo que romances não são o meu forte, mas sempre gostei de histórias de amizade, em uma breve conversa que tive com a autora (absurdamente simpática) ela me disse que o livro tratava mais sobre amizade do que sobre romance. Mas ainda assim tive medo.
  Poderia ter colocado ele na minha maratona como autor desconhecido, mas fiquei com medo de ele me travar por ser romance, a verdade é que se eu tivesse colocado esse no lugar do O Ladrão de Raios, minha maratona teria sido bem mas proveitosa e sem dúvida mais prazerosa também.
  Ah, mas sobre o que é a história? Como o próprio título sugere, é a história de um garoto que se apaixona pela namorada do melhor amigo, que, óbvio, é o único que não percebe.
  Nosso protagonista, Carlos Eduardo (Cadu para os íntimos), é um estudante de direito que pretende se especializar em direito criminal (ou seria civil?) e estuda com, adivinha!? Beto! O melhor amigo, que quer se especializar em direito tributário.
  A história consiste em Cadu ora tentando esquecer Juliana, ora tentando conquistá-la e frequentemente se sentindo a pior pessoa do mundo, a autora não facilita a vida do protagonista e frequentemente o põe em situações, para ele, desesperadoras, e para quem está lendo, divertidíssimas. a narrativa é em primeira pessoa pela visão do Cadu, e a forma com que ele narra torna o humor ainda mais presente na história.
  É absolutamente impossível não se identificar com o Cadu, ele é um garoto de 20 anos, tímido, com dificuldade de chegar nas meninas e não possui uma boa coordenação motora para esportes, além do fato de achar que o pai está constantemente pegando no seu pé, não sei se todo o jovem de 20 anos é assim mas a mim pareceu que a autora estava me descrevendo.
  Com certeza o livro agradará todo mundo que aprecia um bom romance, o que não é meu caso, mas ainda assim eu adorei a leitura, e como a autora tinha me falado (e no começo eu achei que fosse apenas uma forma de me convencer a ler) o livro trata, entre outras coisas, o valor da verdadeira amizade, com personagens secundários quase tão encantadores quanto os principais, cada um dando seu show.
  Mega recomendado a todos, mostra o grande potencial dos autores brasileiros.

12 comentários:

  1. Amei a resenha e o livro parece uma graça.
    Gosto quando o livro me tira boas risada.

    Beijinhos.
    http://cabinedeleitura1.blogspot.com.br/2015/02/meu-cantinho.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado ^^
      Ele é realmente muito divertido

      Excluir
  2. Então Rudi, estava esperando uma resenha sincera desse livro, pois eu já li em quase todos os blogs, mas estava esperando aparecer aqui, pois eu sei sobre seu dom/defeito de ser super sincero.
    Olha, eu não tinha me interessado muito pelo livro, mas depois da sua resenha já me despontou uma curiosidade, quem sabe né? Porém agora eu comecei "As Crônicas de Gelo e Fogo" e para comprar um livro vai demorar, haha.
    Abraços e que a força esteja com você!
    http://www.paradageek.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk Imagino
      considerando o tamanho dessa série aí...
      Mas logo teremos sorteio desse livro aqui, então talvez você nem precise comprá-lo ;)

      Excluir
  3. Olá,
    Eu li esse livro, é uma leitura bem fluída e interessante, a Graciela escreve muito bem e de forma gostosa, porém achei que esse livro seguiu rumos muito previsíveis. A autora poderia ter surpreendido com um desfecho diferente, mas mesmo assim é uma leitura gostosa e despretensiosa.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se é por eu não estar muito habituado ao gênero, mas pra mim não foi tão previsivel, eu li o livro imaginando três finais possíveis, e acabou que não era nenhum deles :p

      Excluir
  4. é tão bom quando um livro nos surpreende positivamente! Eu to precisando de mais livros assim, nas minhas leituras de janeiro ficou em 1 bom, 1 muito bom, 1 ruim, e um pésimo =/ euheuheu
    bjs da Le
    Le Versos & Controvérsias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Tícia, que chato...
      as minhas de Janeiro foram:
      Um ótimo, um bom, um muito bom, outro muito bom e um surpreendentemente bom :p

      Excluir
  5. Ai que amorzinho de livro. Já quero ele. Era exatamente o tipo de livro que eu procurava paras férias, uma pena que quando eles são muito interessantes eu leio em pouco tempo, mas vou providencia-lo logo.

    http://www.pampilho-ordinario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também li ele super rápido, não levei nem dois dias direito

      Excluir
  6. Oi, Rudi! Você conheceu a autora do livro? Que demais! Também não sou lá muito fã de romances, mas: 1) Você também não é (fã de romances), mas adorou o livro e disse que o livro não é só sobre isso e 2) Já tinha lido outra resenha de "A Namorada do Meu Melhor Amigo" em outro blog e fiquei super interessado por ele; Resumindo: Já quero ler o livro! haha Ótima resenha! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tony, falei com ela pelo Skoob, realmente o livro é bem mais sobre amizade do que sobre o romance, apesar de esse também ter certo peso na história (o peso de uma pedra atrapalhando a vida dos personagens). Leia e depois me conta o que achou ;)

      Excluir



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...