quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Semana Especial Nárnia: O Cavalo e Seu Menino



"Estou contando a sua história, não a dela. A cada um só conto a história que lhe pertence."

   O Terceiro livro (na ordem cronológica) foi, até o momento, o mais chatinho e cansativo... a linguagem já não está tão infantil, o que é um ponto a favor, mas a história só fica boa mesmo depois que Aslam se revela.
  Nesse livro/parte não há nenhuma humano (a não ser os já conhecidos reis e rainhas, Edmundo, Lúcia e Susana... não aparece Pedro) e conta a história de Shasta... um pobre coitado maltratado pelo "pai" pescador... é a típica história do coitadinho que descobre ser uma pessoa importante... mas a maior parte da história, esse Shasta está simplesmente fugindo para Nárnia (a história se passa toda no mundo onde fica Nárnia, mas conta com três outros países) com uma garota que também está fugindo, embora seus motivos sejam outros, e com um casal de cavalos falantes que foram raptados de Nárnia há muitos anos.
   E essa parte de fugir, correr, andar, se esconder, se perder, andar mais um pouco, correr até não poder mais... me deixou muito cansado da história... mas ela dá uma ótima reviravolta quando Aslam finalmente se revela (como já disse antes) e a história fica (quase) tão boa quanto a do livro/parte anterior, e como eu também já disse anteriormente... a linguagem já não está tão bobinha... mesmo assim o maior pecado, que quase me fez largar o livro, foi a parte exaustiva que vai do começo até quase o final... leva 3 estrelas pelo (quase) final... quando Aslam aparece (eu falei muito "Aslam" nesse post?)

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...