domingo, 5 de março de 2017

[Opinião] O Mundo Perdido - Arthur Conan Doyle

Editora: Nova Alexandria

N° de Páginas: 183

Quote:
Fizemos muitos amigos na amazônia, e seria injusto se não registrasse aqui a gentileza e a hospitalidade que a nós dedicaram."

Sinopse:
  Uma expedição científica liderada pelo professor Challenger explora a floresta amazônica em busca de um grande mistério oculto pela natureza: uma região onde a pré-história permanece viva.
  Aventura, suspense e humor num mundo perdido no tempo, em que dinossauros terríveis e seres fantásticos convivem com o homem primitivo. O Mundo Perdido é uma narrativa emocionante do criador de Sherlock Holmes, que inspirou obras de grande sucesso na literatura e no cinema.

Compre pela Amazon e ajude a manter o blog

Opinião:
  Caso você não saiba, esse livro foi adaptado para uma série que passou por muito tempo na televisão, série essa que foi uma das responsáveis pela minha fascinação por dinossauros.
  Mas as diferenças entre o livro e a série são enormes. Para citar apenas algumas no livro Margaritte e Verônica simplesmente não existem, não temos homens-lagarto (ainda bem, nunca achei graça naquilo), e eles chegam ao platô através de escalada e uma travessia deveras ariscada, enquanto na série eles vão parar lá com um balão.
  O livro é narrado pelo Malone, que depois de ser chutado por sua amada Gladys, que diz que quer um homem aventureiro e corajoso, resolve embarcar em uma viagem para nossas terras tupi niquins, junto com um caçador de caráter duvidável, um cientista absurdamente irritante e seu rival, tão irritante quanto.
  O livro é uma grande aventura, que não se importa de ter situações bizarras e que visa o entretenimento, antes das discussões sobre motivações, o que nos leva a entrar em uma aventura, se não damos valor demasiado a coisas que não merecem.
  Algo que talvez não seja do conhecimento de todos é que o platô da história realmente existe, infelizmente, ou felizmente, não da forma que o autor descreve. O Monte Roraima fica na tríplice fronteira entre Brasil, Guiana e não me lembro qual outro país. e devido a sua altitude e solo rochoso possui uma flora bem diferente da que fica na base da montanha, lá existem muitas plantas carnívoras, que contornam a falta de nutrientes do solo com os insetos que capturam.
  Sobre a edição: não conhecia essa editora, mas foi a melhor edição desse livro que encontrei, apesar da capa horrível, não lembro de ter encontrado problemas com a revisão e ela tem detalhes caprichados em todas as páginas.
  Em suma, é um livro muito bem bolado e inteligente, uma aventura fascinante com momentos bem-humorados e que pode ser lio tranquilamente em uma dia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...