domingo, 26 de fevereiro de 2017

[Opinião] Um Grito de Amor No Centro do Mundo - Kyoichi Katayama

Editora: Alfaguara

N° de Páginas: 155

Quote:
Gostaria que esse sonho se tornasse realidade, e a realidade, um sonho. Sei que é impossível. E é por isso que sempre acordo chorando. Não de tristeza. Choro porque, ao deixar o sonho agradável e retornar para a realidade triste, existe uma fenda pela qual não há como passar sem derramar lágrimas. Já tentei inúmeras vezes; nunca consegui."

Sinopse:
  Sakutarô é ainda um garoto quando conhece Aki na escola em que estuda, numa cidadezinha japonesa. Ela é bela, inteligente e popular, e logo se tornam amigos inseparáveis. Mas, conforme Sakutarô amadurece, ele começa a ver em Aki mais do que apenas uma amiga. Em pouco tempo, sua relação se transforma numa paixão arrebatadora.
  Os adolescentes trocam juras de amos; prometem nunca mais se separar. Mas uma tragédia fará com que o destino de ambos seja irremediavelmente alterado.

Compre pela Amazon e ajude a manter o blog

Opinião:
  Imagine A Culpa é Das Estrelas se passando no Japão, sem alívios cômicos, e no lugar de um livro a obsessão dos personagens fosse filosofar sobre a vida e todos os seus aspectos e profanar túmulos.
  Primeiramente vamos falar sobre o que me levou a ler esse livro: Vou ser sincero e dizer que foram apenas duas coisas, a editora que o publicou e a nacionalidade do autor. Como o único romancista realmente japonês que já tinha lido tinha sido o Murakami, e amado seus livros com todas as forças, resolvi que queria ler outro livro de autor japonês, e por que não esse? sendo ele tão famoso...
  Esse é um daqueles livros curtinhos que você pode demorar uma vida para lê-los, meditando profundamente sobre cada pensamento filosófico à la sentido da vida exposto pelos personagens, e aproveitar para mergulhar em uma depressão profunda vendo como a vida é injusta e quase nunca nos permite realizar nossos sonhos. Ou fazer como eu e ignorar os dramas supostamente menores e lê-lo em um único dia, ainda assim você vai perceber muita filosofia e ser massacrado por frases tristes que mostram a realidade da alma humana.
  Se me permitem usar as palavras, é um livro tocante (extremamente tocante, a ponto de ser depressivo) que vai lidar sobre o amor, sobre quando um sentimento nasce e ao crescer se transforma, sobre o verdadeiro amor que, como diz a Bíblia, tudo sofre, espera, suporta e jamais acaba.
  É também um ótimo romance pra quem está querendo conhecer mais o gênero mas não quer nada muito água com açúcar. E também o caminho inverso, para aqueles acostumados a calmantes de fazer suspirar e piscar os olhos para algo mais sério e de bastante profundidade.
  Só não o leia se estiver meio depressivo, pode te deixar em uma situação lamentável.



Nenhum comentário:

Postar um comentário



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...