quarta-feira, 16 de abril de 2014

[Opinião] As Terras Devastadas - Stephen King

Como tudo nessa casa resolveu pifar (inclusive meu sistema imunológico) vou ter que pegar fotos da internet mesmo ¬¬'
Editora: Objetiva
N° de Páginas:654
Citação:
"A maneira mais rápida de aprender sobre um lugar é saber com o que ele sonha."97
Sinopse:
  As Terras Devastadas é o terceiro volume da saga épica A Torre Negra. Neste romance, Roland de Gileade aproxima ainda mais da Torre de seus sonhos e pesadelos, atravessando o deserto amaldiçoado em um lugar macabro - a imagem distorcida do nosso próprio mundo. Em sua companhia, estão dois de seus escolhidos, Eddie e Susannah.
  Depois de matar um urso gigante, os três companheiros remontam a trilha do animal e encontram o Caminho do Feixe de Luz. Os Feixes, seis ao todo, conectam os doze portais que demarcam os limites do Mundo Médio. Em sua interseção - centro do mundo de Roland, e talvez de todos os mundos existentes - o pistoleira acredita poder encontrar a Torre Negra.
  Em um dos portais, Jake Chambers, o terceiro escolhido, torna a entrar no Mundo Médio. Novamente reunido, o quarteto continua a busca que os leva a Lud, cidade povoada por sobreviventes degenerados. De lá parte um trem que pode conduzir à Torre, contudo, o acesso só é permitido àqueles que decifrarem os enigmais de Blaine, um monotrilho desgovernado. Mas o desafio está longe de ser simples.

Opinião:
  Vou fazer o possível para não revelar mais do que a sinopse já revela...
  A história começa com Roland ensinando Susannah a atirar de forma satisfatória, coisa na qual ela está sendo ótima, enquanto isso Eddie retoma uma antiga prática: talhar, o que será de grande auda para eles, de certa forma... devido a acontecimentos dos dois livros anteriores, a mente de Roland e a de Jake está meio que dividida, ele possuem duas linhas de memória e isso está deixando-os meio loucos...
   Até um terço desse livro eles estavam seguindo apenas para a "borda do mundo" esperando encontrar um dos doze portais maiores e seguir o Feixe de Luz até a Torre, eu só não sei porque raios eles tinam que chegar até lá para começar a seguir o Feixe do seu início, já que é perfeitamente possível ver o efeito do Feixe sobre toda a sua extensão, afinal: "tudo segue o Feixe".
  Sobre o desenrolar da trama principal, desconsiderando todos os acontecimentos paralelos (que só exstem para que a série tenha sete livros gigantes) a história até que evoluiu bastante, agora já temos uma ideia de como era o mundo de Roland antes de "seguir em frente" o que realmente é esse "seguir em frente" e o que causou esse "apocalipse" todo. Também temos uma ideia do que motiva Roland a chegar a Torre Negra e o que realmente é essa dita Torre. E, a menos que eu esteja muito enganado, "vemos" também o principal vilão depois da distância da Torre, é claro, da história.
  A narrativa do Stephen é o de sempre mesmo, não tem muita novidade, como já ouvi muita gente falando, ele é um escritor de pessoas, e realmente seu forte é a modelação dos personagens. Isso fica claro quando ele insere novos personagens e nos faz ter total conhecimento deles e também quando ele mostra o quanto seus antigos personagens estão amadurecendo, ele não esquece as características próprias de cada personagem, o que é realmente respeitável, o cara impulsivo e bobalhão continua sendo impulsivo e bobalhão, apenas amadurece um pouco mas conseguimos perceber que se trata da mesma pessoa.
  Assim como falei do segundo livro, esse é melhor que os anteriores, um grande salto para a história.

Um Comentário com Spoiler
Depois de ler o primeiro livro e achar incrivelmente desnecessária a existência de Jake e ler o segundo e achar que a existência dele havia tido razão, mas mesmo assim insignificante, finalmente no terceiro podemos compreender a importância dele no Ka-teth (acho que é assim que se escreve), embora parcialmente, pra mim, o Jake é mais uma criança que apesar de útil em alguns momentos existe principalmente para dificultar as coisas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...