domingo, 19 de fevereiro de 2017

[Opinião] O Vento Pela Fechadura - Stephen King

Editora: Suma de Letras

N° de Páginas: 283

Quote:
O tempo é um buraco de fechadura, pensou ele ao olhar as estrelas. Sim, acho que sim. Nós, às vezes, dobramos o corpo e espiamos através do buraco. E o vento que sentimos nas bochechas quando fazemos isso - o vento que sopra pela fechadura - é a respiração de todo o universo vivo."

Sinopse:
  Em O Vento Pela Fechadura, Stephen King retorna ao Mundo Médio, cenário da saga A Torre Negra. O novo livro encaixa mais uma peça no vasto quebra-cabeças que cerca a Torre, oferecendo lendas e histórias fantásticas de Gilead ao mesmo tempo em que investiga o passado doloroso do pistoleiro Roland Deschain.
  No meio do caminho entre o Palácio Verde e Calla, ele e seu ka-tet - Jake, Susannah, Eddie e Oi, o trapalhão - são obrigados a acampar numa cidade fantasma. Caso contrário, seriam congelados com a chegada súbita e mortal de uma borrasca, tempestade única ao Mundo Médio. Para afastar o tédio da espera. Roland distrai o grupo com uma história do seu passado.
  Porém, no centro dessa lembrança, o jovem Roland do passado também narra uma fábula de sua infância, registrada em seu livro favorito: O Vento Pela Fechadura. A lenda do menino Tim e suas aventuras em busca do mago Merlyn acabam revelando muitas verdades sobre Gilead, o Mundo Médio, o pistoleiro... E sobre todos nós.
  Inspirada no universo imaginário de J.R.R. Tolkien, no poema épico do século XIX "Childe Roland À Torre Ngra Chegou" e repleta de referências à cultura pop, às lendas arturianas a ao faroeste, A Torre Negra mistura ficção científica, fantasia e terror numa narrativaque forma um verdadeiro mosaico da cultura popular contemporânea.

Compre na Amazon e ajude o blog

Opinião:
  Como eu queria revisitar o Mundo Médio, e esse livro me proporcionou isso, e foi além.
   Dei uma pausa na leitura da série porque ela engloba muita coisa que não conheço, e pretendo conhecê-las, quero ler mais coisas do autor para pegar as referências, e também quero conhecer o universo de Tolkien, e saber mais sobre as lendas arturianas do que a existência de uma espada em uma pedra e de uma mesa redonda.
  Enfim, depois de saírem do Palácio Verde no final de Mago e Vidro, Oi começa a se comportar de forma estranha, e logo descobrem que ele está prevendo a chegada de uma borrasca, uma terrível tempestade capaz de congelar até o fogo. Enquanto se abrigam Roland conta uma história de sua juventude, eventos passados pouco tempo depois dos flash-backs mostrados também no quarto livro da série quando Roland precisa se abrigar de outra borrasca. E para entreter aquele grupo, também conta uma história. E essa é a história principal do livro.
  A partir de então conhecemos Tim, um menino que embarcará em uma viagem incrível sendo testado de todas as formas possíveis para salvar sua mãe e, de certa forma, vingar o pai.
  O livro é mais sombrio que os quatro primeiros da série, e possui uma expansão considerável do Mundo Médio, temos algumas revelações inéditas a respeito da Torre, uma nova encarnação do Homem de Preto, e conhecemos a fauna e flora desse er... "maravilhoso" mundo criado pelo escritor.
  Além de entretenimento de qualidade, vejo esse livro como uma forma de imersão mais profunda no universo da série, algo que nos abraça pelo ombro estende uma mão em um gesto abrangente mostrando tudo que está a frente, cria empatia por aquela realidade e nos deixa familiarizados o bastante para nos sentirmos em casa.
  Em suma, um livro extremamente interessante, envolvente e bem escrito, que tem sim spoilers sobre os quatro primeiros livros da série, mas que pode ser lido sem problemas por quem não tem interesse na série (que é muito legal^^).






2 comentários:

  1. Oi Rudi, sei que não tem muito a ver, mas você falou sobre ler mais sobre lendas artuarianas daí lembrei... Você já leu A Gruta de Cristal, de Mary Stewart? É sobre Merlin, eu adorei. Quando puder leia esse :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gin,
      Já providencie As cronicas de Arthur, mas vou anotar sua dica, não conhecia esse

      Excluir



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...