sábado, 23 de dezembro de 2017

O Processo


"I'm holding on. Why is everything so heavy?"
Linkin Park 

  Essa é daquelas...
  Não tenho certeza se é o início de uma nova crise, espero que não.
  Pelo menos não daquele tipo de crise.
  Vejo qual é o problema, um pequeno salto pode resolver isso, mas meu medo me tranca em uma caixa invisível, não sei como sair, ou sei?
  Sei o que lança o medo fora, mas me falta forças para aceitar,
  Conscientemente sei onde está o erro.
  Mas não tenho forças suficientes para repará-lo.
  Sei que não depende de mim,
  Mas não aceito que não dependa.
  Estou intoxicado pela dependência, por achar que preciso do que sei que não preciso.
  E essa luta entre o saber e o aceitar não parece ter fim.
  Já vi amigos completando essa parte do processo.
  Quis pegar um atalho.
  Não foi uma boa ideia.
  O processo inclui o caminho,
  Tentar encurtá-lo só o prolonga.
  Trapacear só torna mais difícil.
  E essa é a mais nova participante da guerra entre o saber e o aceitar.
CONTINUO SEGURANDO O QUE ME PUXA PRA BAIXO, POR QUÊ?
  Sei (em parte) o que está errado.
  Sei que meu modo de pensar precisa mudar (em aspectos)
  Sei também que não consigo fazer isso pessoalmente.
  Mas não consigo aceitar a falta de controle sobre isso.
  Sei que basta eu largar.
  Sei que tem Alguém apenas esperando que eu faça isso.
  Ele vai cuidar dessa parte.
  Mas o tratamento dói.
  Queria ser agente de cura, mas me descobri enfermo.
  Queria ser um bom representante para os que me cercam, mas descobri que não sou capaz.
  Sei que um dia serei.
  Mas é outra coisa difícil de aceitar.
  Por que não estou pronto agora?
  Queria ter passado por isso tudo antes.
  Queria que já tivesse terminado.
  Não sei se deveria escrever tudo isso.
  Isso vai mais contra o que eu quero fazer do que no sentido para o qual quero apontar.
  Mas o processo faz parte.
  Sei disso.
  Só é difícil aceitar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...